Sob a lua



Ontem vi a lua linda
como nunca pude ver;
penso em você, o tudo que ainda
me importa querer...
Me importa sentir
a pele de sol, o cheiro de mar.
Inútil é fugir,
bobagem fingir
que não compensa gostar.

Eu peço, regresse!
Aproveita o luar!
Meu céu entristece
quando fico a esperar.
Pra que chegue e se achegue
não exijo razão...
Vem como a lua, leveza,
suave beleza,
minha inspiração.

Comentários

  1. Adorei...Muito lindoOOO...Oh inspiração!!! é a lua, as estrelas e o coração!!!



    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Muito lindo.Gostaria de pedir autorização para usar esta imagem em uma poesia minha,postada em blog.Posso?

    ResponderExcluir
  3. Roberto, a imagem é liberada, pois foi tirada da internet mesmo.
    Volte mais vezes.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Bilhete de desculpas

À minha gangue